Início do Conteúdo

A cada hora, em média, sete brasileiras descobrem que têm câncer de mama. Isso significa que, no decorrer de 2018, são esperados 59 mil novos casos país. A estimativa foi apresentada pelo médico da Sociedade Brasileira de Mastologia, Ruffo de Freitas Júnior, durante o Grand Round desta quarta-feira (10). O evento é parte da programação especial desenvolvida pelo Hospital de Clínicas para celebrar o Outubro Rosa.

outubro rosa 10.10 47

Um dos desafios é ampliar a cobertura do rastreamento da doença. Números atualizados apontam que apenas 24,1% das mulheres no Brasil têm acesso aos exames de mamografia através do SUS. No Rio Grande do Sul este índice aumenta um pouco, chegando a 26,2%, mas ainda distante do ideal, que seria o dobro, conforme Ruffo.

outubro rosa 10.10 19

Nosso estado é o que apresenta maior incidência e mortalidade por câncer da mama em mulheres com menos de 50 anos, explicou a professora Patricia Prolla em palestra realizada durante a manhã. O chefe do Serviço de Mastologia, Jorge Biazus, apresentou a evolução do processo cirúrgico ao logo dos anos, valorizando o HCPA como escola de vanguarda na realização de procedimentos com marcas minimamente visíveis. Ainda foram abordados aspectos relativos a novidades e tratamento via SUS.

outubro rosa 10.10 65

A comunidade teve oportunidade de participar de atividades de esclarecimento sobre o tema. Durante a tarde, foi abordada a importância do diagnóstico precoce, os direitos da paciente e o impacto psicológico da doença. Para finalizar, Márcia Resser compartilhou com o público sua história de superação do câncer.

outubro rosa 10.10 49 outubro rosa 10.10 63 outubro rosa 10.10 28 outubro rosa 10.10 32

outubro rosa 10.10 39 outubro rosa 10.10 43 outubro rosa 10.10 2 outubro rosa 10.10 4